A cinefilia está morta. Vida longa à cinefilia!

cinefilia

Revirando alguns livros sobre cinema, encontro Cinefilia (Cosac Naify, São Paulo, 2010), do historiador e crítico francês Antoine de Baecque, e automaticamente me lembro do encontro com o autor em São Paulo, lá em 2011, e do artigo escrito para o Cinefilia. A pauta é antiga, mas o tema abordado, atemporal. Por isso, reproduzo o texto, a seguir. Continuar lendo

Anúncios

Cinefilia #3 no ar!

Nova edição do Cinefilia com especial Jacques Tourneur, Sob o Domínio do Medo e Laranja Mecânica na sessão Filme-Debate e artigos diversos – incluindo um meu sobre os clássicos da 35ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.

Divirtam-se!

Ainda existe paixão pela Sétima Arte?

Lendo o livro Cinefilia, do historiador e crítico francês Antoine De Baecque (autor que visitou o Brasil recentemente para uma série de eventos de divulgação da obra), a pergunta do título deste post vem à tona quase que instanteneamente. Vale uma análise do porquê da questão.

Continuar lendo